Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso


Sexta-feira, 17.01.14

Os pequenos-almoços de que se fala - e vê. Ó se se vê!

Anda muito boa gente a deitar fotos de pequenos almoços glamorosos e batidos lindos e saudáveis pelos olhinhos. Bem sei. 

Acho que até hoje só publiquei uma, aqui há coisa de um ano atrás (pensando bem, acho que publiquei duas, uma com um livro, outra com o reader, em dias diferentes).

E há muita gente que diz que ah e coiso esses pequenos almoços saudáveis são/ficam tão caros....

Yup, pois ficam.

Mais caros que uma torrada e um galão se feitos em casa.

{E, vamos lá pôr de lado quem não tem dinheiro nem para isso. EU SEI que há pessoas que não têm, ok? Mas se formos não falar nas coisas 'pour cause', às tantas ficamos aqui todos encolhidinhos e encostadinhos às paredes, a 'ver se passa' até podermos deixar de perfilar. Eu sei. E vocês sabem que eu sei. Pronto}.

Mas a verdade é que não é a mesma coisa. Não é que não goste de torradas e galão (para mim é mais meia de leite, mas pronto), mas os nutrientes que engolimos nesse duo e de que não precisamos, e os que podemos engolir nos outros e saudáveis pequenos almoços, não têm comparação. Posso deixar aqui esta ligação cheia de  exemplos, para a pagina de facebook 'Dias com a Mafalda', (o blogue está 'em obras', pelo que agora segui-la, só aqui) mas há-os aos magotes. E já deixei aqui outros links para outros blogues com ideias que têm tanto de saudáveis como de deliciosas.

Mas como estamos AQUI, vou dizer como são os pequenos almoços desta que vos escreve. Ora que de há uns dois ou três dias para cá, preguiça oblige, tenho colocado 200 ml de leite de soja num shaker, meto lá para dentro o conteúdo da saqueta do batido de proteínas com sabor a chocolate,  sacudo, sacudo, sacudo (... e sacudo... e sacudo...), e verto o batido para o copo. Para ficar mais 'bonito' e não ter a sensação de estar só a engolir liquido, ponho-lhe uma colher de sobremesa de coco ralado em cima. E bebo um ristretto (com 3g de açucar - mais ou menos meio pacotinho ).

Mas naqueles dias em que estou mais predisposta, e planeei a coisa, e tudo e tudo, gosto de colocar duas colheres de sopa de müesli+uma colher de chá de sultanas no fundo de uma tigela, e cobrir com um iogurte grego não açucarado (a doçura fica por conta dos frutos secos do müesli incrementados com a dose extra de sultanas). Por cima, coloco frutos do bosque - mirtilos (que desapareceram do Lidl onde são mais baratos, por isso não os tenho comido), amoras e/ou framboesas (de que gosto menos). E quando tenho,junto-lhe bagos de romã, que fazem um crunchcrunch quando mastigados que dão um toque - e sabor - todo especial à coisa. E tomo um ristretto.

(vá, tirem o chá e ponham um café para sermos mais fiéis à coisa...)

Mas posso substituir as frutas silvestres por pedacinhos de kiwi, banana, manga, papaia, juntos ou separados. Nesse caso diminuo ou 'corto' os cereais, que ingiro ao lanche, por exemplo. E no caso de colocar várias frutas, intercalo uma camada de iogurte, uma de fruta, outra de iogurte e coloco por cima frutos secos picados (as nozes são fantásticas porque são ricas no colesterol 'bom', entre outras propriedade fabulosas, mas podem ser amendoas, avelãs, pistácios...) Aqui há tempos fiquei a saber pela Lénia que a canela é termogénica pelo que leva o metabolismo a queimar mais calorias; por isso, uma colher de café de canela em pó por cima é uma excelente aposta.

E depois há aquelas 'coisas' de que se ouve falar, e estão tão 'na moda' agora: as bagas goji, as sementes de linhaça, de chia... pois que o ideal é ingerir, mas tomar algumas precauções (falo por mim...). As bagas goji devem ser hidratadas, para facilitar a digestão das mesmas. As sementes... bom, eu prefiro inteiras, embora sejam recomendadas moídas, preferencialmente no momento (compro para o marido ingerir já moídas, pela praticidade, mas obviamente que se perdem alguns oligoelementos, vitaminas e minerais). Mas moídas não servem para o meu cólon irritável, que vira balão (é o que acontece SE as goji não forem hidratadas e/ou forem muitas), e depois é vê-la a tomar cápsulas de carvão vegetal para não se transformar em arma química...
{a serio, é uma tristeza...}
Se quiserem experimentar usem uma das sementes ou as bagas, à vez, e como quantidade comecem por uma colher de chá, adicionada ao iogurte. E logo veêm o resultado: se fizer retenção de ar, diminuam, se não, aumentem ou mantenham. E consoante se sentirem, misturam mais de que uma variedade ou nem por isso. É fantástico para, entre outras coisas, pôr os intestinos a funcionar regularmente. 
Preços, que é um dos impedimentos levantados para seguir este tipo de inicio de dia:
Os frutos vermelhos* não são baratos; compro os meus invariavelmente, no Lidl, onde o preço é mais simpático: cada couvette custa €1,99, e duas couvettes chegam para uma semana. Os iogurtes também compro lá, €1,19 por quatro, e o müesli vem do mesmo lugar, um saco de 500g custa-me €1,99, e dá-me para um mês. As sultanas é onde calha, uma saqueta oscila entre um euro, um e meio, consoante o local e/ou o tamanho (duh!).
As goji e a chia rondam o mesmo preço: um nadinha abaixo dos quatro euros (Continente). À colher de chá dá quase para um mês; já a linhaça custa metade do preço.
Eu gosto, ainda de juntar uma medida de proteína pura (embora não o faça todos os dias), já que a melhor hora para ingerir proteínas é de manhã (até à hora de almoço). E a proteína é cara, embora renda para imenso tempo: o mais barato são €19,90, que dá para dois meses no mínimo, desde que acondicionada bem fechada num lugar seco.
Pronto, meus amores e minhas amoras, eis os meus conselhos para um inicio de dia mais saudável.
Dica extra: para estimular o corpo a limpar-se de impurezas e desintoxicar-se, façam um litro de chá verde, deixem arrefecer e bebam de vez em quando, durante o dia (preferencialmente sem açucar). Isto até às 17h, 18h no máximo, hora em que devem mudar para tisanas sem teína (ou teofilina, como lhe quiserem chamar).
Espero ter ajudado. Qualquer duvida perguntem. Se eu souber respondo, se não souber procuro a resposta, ou pergunto a quem saiba mais que eu.
* também existe a opção, mais económica, de comprá-los congelados. Nesse caso, convém deixa-los uma meia hora à temperatura ambiente, ou a descongelar de um dia para o outro dentro do frigorifico. Estéticamente perde-se bastante, mas segundo consta, as vitaminas estão lá todinhas. Para preços verifique as marcas disponiveis no seu supermercado - não se esqueça de ter o peso da embalagem em conta, aquando da comparação...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 16:37

Sexta-feira, 10.01.14

Miammmi!!!!!!!!

Acho que este fim de semana vai ter disto... 

(imagem A beach cottage através de Às nove no meu blogue)

Acho que nem o nutricionista consegue pôr defeitos na coisa! Obrigado, Sofia!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 17:23

Quinta-feira, 05.12.13

... a pouco

Sabe a pouco.

Passar tempo com os amigos de quem gostamos sabe a pouco.

Abraços apertados sabem a pouco.

As desculpas que não se pedem porque não é para ser pedidas porque sim, porque não é preciso, sabem a pouco.

O brilho nos olhos, o cheiro do sol, o reflexo do mar sabe a pouco.

Sim é tudo bom, muito bom, tão bom. Mas, desculpem... sabe a pouco.

(para a receita e os créditos da foto, clicar em cima, please...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 19:49



Follow on Bloglovin

 E aqui:

   

   

 


Sou mãe

 

 

 


 

www.maesportuguesas.com



Estive aqui

 

 


Quem procura... geralmente encontra...

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728

No baú, mas sem naftalina (detesto o cheiro)