Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso


Domingo, 02.02.14

Uma por dia até HOJE - que até vai uma a mais

E uma mais lenta (a minha "mais favorita" delas todas...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 14:30

Sábado, 01.02.14

Uma por dia até dia 2 #7

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 15:30

Sexta-feira, 31.01.14

Uma por dia até dia 2 #6

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 15:30

Quinta-feira, 30.01.14

Uma por dia até dia 2 #5

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 15:30

Quarta-feira, 29.01.14

Uma por dia até dia 2 #4

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 23:56

Segunda-feira, 27.01.14

Uma por dia até dia 2 #2

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 23:42

Domingo, 26.01.14

Um por dia até dia 2 #1

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 17:33

Sexta-feira, 01.11.13

Abrunhosa e Lobo Antunes.

Ando feito doida agarrada ao 'conhecimento do inferno' E feito doida, significa que me ando a lamber de prazer por entre as frases do autor, devagar, como tantas outras coisas que para alcançar em pleno, não se apressam. Desta vez, comecei na primeira página (depois de te engolido, na voracidade de amante com carência da droga que o outro é, duas ou três paginas ao calhas, na sequência correta, como uma boa aluna).

Depois, abri na primeira pagina, e segui por ali fora.

Dou por mim a descrever os meus gestos mentalmente, na segunda pessoa, como se eu não fora eu, nem deixasse de ser, sem me espantar da distância que crio entre mim própria, fazendo intrinsecamente parte da história, tal qual os pensamentos do personagem que não deixa nunca de ser o autor.

Interrompi agora, graças à febre, e zangada de largar este fervoroso virar de pagina.

E para me confortar, perco-me no colo de Pedro Abrunhosa.

[sei bem demais que muitos estarão agora franzir o sobrolho]

Se não tivera já lido a transcrição da afirmação do musico pela admiração que tem pelo escritor, não seria dificil adivinhar tal facto.

Há umas migalhas da poesia de Lobo Antunes espalhadas não (tão) acidentalmente (como pode parecer) na prosa de Abrunhosa. Há muito de Abrunhosa que bebe, e se deixa impregnar no tanto que o Escritor diz, mostra, é.

Não soubera eu que de facto há pontos comuns, e seria, eventualmente difícil explicar a coincidência.

Assim, não o é. 

E fica também assim clarificado o porquê da minha paixão por ambos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Fátima Bento às 19:38


Curioso?

foto do autor


Follow on Bloglovin

 E aqui:

   

   

 


Sou mãe

 

 

 


 

www.maesportuguesas.com



Estive aqui

 

 


Quem procura... geralmente encontra...

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728

No baú, mas sem naftalina (detesto o cheiro)