Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

20
Abr05

Já-já!!

Fátima Bento

22:05h.


Eu no puter, o marido no palm, com um olho na tv.


( sim o Benfica continua aganhar 0-1)


"Fátima, eu ainda quero ir aí ao computador"


Ok.


É já a seguir.


É qu'é já ... a seguir!!!


(Que remédio. Até amanhã, pessoal, que hoje já não teclo).


B'jinhos a todos,


Fátima


PS: 0-2

20
Abr05

Vai lá, vai...

Fátima Bento

Bem, eu e as revistas, as revistas e eu...

Hoje, aquando do meu primeiro café do dia ( não me perguntem que horas eram, NÂO ME PERGUNTEM QUE HORAS ERAM! Mas posso garantir que vi o CSI NY, que deu às 10 da manhã, portanto, não era nenhuma pornografia horária) agarrei no suplemento da Máxima de Maio e levei-o comigo.

                          Digitalizar0003.jpg

Depois, e assim ao calhas, abri numa página em que faziam às pessoas que trabalham em empresas de cosmética luxuosas, 2 perguntas:1. Para si o que é o luxo, e 2. Na area em que trabalha qual o seu produto de eleição? Uma das poucas respostas que li

(e foi GOOOOLO do benfica!!!)

e sai-me uma pérola destas:

    infelizmente.jpg

Ò meu grande caramelo ( e este "caramelo" não é ternurento, como o que eu usei à dias num comentário à Sofia) se 'felizmente estivesse acessivel a uma grande parte da população', não era CONCERTEZA luxo, pois não? DUHH!!!!!

Às vezes pergunto a mim mesmo como esta gente chega aos cargos que chega. Já lá dizia o outro( não me lembro de quem é o outro), que quando uma pessoa pára de ser promovida, significa que atingiu o seu nivel máximo de incompetência (não está tão bem transcrito como eu gostaria, mas não consigo  fazer melhor neste momento), e este senhor, por exemplo, já deve ter chegado ao seu lugar máximo. Só que no caminho deve ter perdido um seu quê de massa encefálica... deve ser dos aromas dos prefumes e demais cosméticos...

Aiaiai!!!!

P'ó qu'eu tava górdada!

Fátima

19
Abr05

Habemus Papam

Fátima Bento

                                             HABEMUS PAPAM   

                                      Joseph Ratzinger

( acho que é assim que se escreve mas também se não for não é grave, eu depois corrijo...)

Pois.

Os meus maiores receios justificaram-se. Ratzinger não é o sucesor natural de João Paulo II.

Muito antes pelo contrário.

O natural, segundo a lógica natural das coisas (pelo menos é o que eu acho) seria que o novo Papa seguisse a 'politica' do anterior, ou seja, há um sem numero de jovens e menos jovens que João Paulo conseguiu atrair para uma igreja católica apostólica Romana aparentemente moribunda. Houve sem dúvida um renascer na fé e na entrega/confiança por parte de largos milhões, com base na simplicidade, afabilidade, e humanidade do Papa, que mostrava sentir os problemas dos outros, e de formar uma ponte entre crenças similares, diferentes, e não crenças, se não por mais, pelo mesmo sangue vernelho que lhe corria nas veias, e que ele não fazia a minima intenção de "pintar" de outra cor.

Já Ratzinger, não.

Ratzinger assume-se como um conservador. Depois da abertura que o falecido papa conseguiu, das conquistas suadas, adivinham-se agora umas costas voltadas, e um arraigamento às tradições no seu termo primitivo, da igreja de Pedro. E isso, se, à uma, me traz automáticamente à ideia a Opus Dei, também me faz pensar que no Vaticano a postura de João Paulo II não estaria tão bem conotada quanto se pensa. E esta eleição-recorde é disso prova.

Não resisto a citar aqui Pacheco Pereira na sua crónica semanal à Sábado,"a lagartixa e o jacaré", que esta semana e a respeito do conclave que se avizinhava, disse:

«(...) Esperemos pois que esse mesmo "vento"[Espirito Santo] antigo desça sobre mais de uma centena de homens reunidos junto ao túmulo de Pedro, um pequeno espelho do mundo, uma súmula de muita história, muita sabedoria, muita coisa boa e má, e que, quando mandarem dizer numa língua morta, "Annuntio vobis gaudium magnum: Habemus Papam", o mundo melhore um pouco para todos, crentes e incréus.»

(gosto particularmente da última palavra, um termo mais "doce" que ateu)

Assim, e nesta hora de mudança, esta incrédula, espera não ter razão, e que o novo Papa Bento XVI seja uma agradável surpresa para todos.

Fátima    

Fátima

 

19
Abr05

Ih, foi tão bom!!!

Fátima Bento

Já estou mais calma. Rai' da miuda.


Hoje aconteceu uma coisa muuuuiiiittttoooo boa: conheci a gOlden. Tomámos um agradável cafézinho, e só não demorámos mais tempo porque ela estava apertada com as horas, senão ( e falo por mim ) passava ali umas boas horas na tagarelice.


Ela é UM AMOR.


B'jinho!


Fátima

19
Abr05

Novidades...

Fátima Bento

"Espera!!... "

É a nova palavra que mais se ouve cá em casa. Ás vezes é "Espera, mon". Segue-se, a qualquer uma das duas, "... deixa-me só..." que pode ser 'ler esta revista', 'acabar de ver este programa' (que quando é no MTV, dá-me vontade de atirar um banco à televisão e uma cadeira à autora da frase...já viram algum canal que dê programas mais estupidos??) ou, o recém-dito "sentar um bocadinho..."

Annhhh???

Até parece que a criança ( perdão, adolescente de 14 com acessos de 7) está cansadinha de tanto trabalhar!

Passei-me.

Mas, devo acrescentar, foi uma passegem politicamente correcta. À prova de qualquer pedagogo.

Virei-me len-ta-men-te do computador para o sofá, e disse com toda a calma: "Já reparaste que ultimamente quando eu te mando fazer alguma coisa, é sempre "espera"? Vais levantar-te daí A-G-O-R-A, e vais fazer a tua cama J-Á."

Ah-ah, resultou.

A gaija-filha virou costas, bateu ""gentilmente"" [( tão gentilmente quanto é possivel bater ) e as duplas aspas são a prova] com a porta,  do quarto, onde está há quase 15 minutos, com o som a altos berros ( tinha de ser rap, TINHA DE SER RAP!!). Quanto é que vale que se lá entrar dentro de 45 minutos a cama ainda não está feita?  Esta gente esgota-me.

Atenção pessoal, vem aí outro colapso, desta vez meramente por exaustão e impotência.

Arrrghh!!!!!!!

Inté mais logo...

Fátima

 

18
Abr05

Parabéns!

Fátima Bento

... a mim!!!!


:o) :o) :o) :o) :o) :o) :o) :o) :o) :o) :o)


 Já vão 1003!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


Mas não posso deixar de dedicar estes 1003 a todos os que me têm lido ( e eu cá gosto de pensar que tenho leitores!... pedante!) E agradecer a todos o apoio e carinho que me têm deixado, nomeadamente sob a forma de comentários ( vai, dá graxa ao cágado, para ver se deixam mais... )


E 'atão ninguém s'acusa do 1000? A t-shirt tá à espera ( em ultimo caso dá para fazer trapos para as limpezas domésticas).


Por isso:


OBRIGADA


2º acusa-te., ò milésimo!

18
Abr05

Ó pessoal!!!! gOlden, DIANA, SYLVIA!!!!!

Fátima Bento

ex-libris da tugosfera.bmp

( Ah-ah, consegui fazer batota e pôr a imagem! )

Devo ser uma excepção à regra: acho bué piada a este tipo de coisas: se fosses uma cor, qual eras? E até respondo, burgundy. Qual é o filme da tua vida? Ah, este dá que pensar 2 horas. Como não tenho duas horas, respondo: "Lost in translation". E "As horas". São dois mas não quero saber. Prontos. Serve de exemplo

Agora passemos à corrente, perdão, cadeia literária, própriamente dita, que veio da

Sofia, pelos vistos a contra gosto...

Não podendo sair do Fahrenheit 451, que livro quererias ser?

A informação base do farenheit 451 eu fui ler ao blog do Calvin, que eu nestas coisas sou um bocadinho "ó mãe!!!!!!!!!!!!! ...e agora??" Por isso, acho que era o "Drácula" , do Bram Stoker. não sei se me safava, com o erotismo latente da obra, mas pelo menos divertia-me um bocadinho (confesso que a primeira coisa que me ocorreu foi o "Sexus" do Henry Miller, em pleno vôo para a fogueira, mas era mesmo à laia de provocação, que o livro nem sequer está entre os meus favoritos... e o Drácula é UM dos)

Já alguma vez ficaste apanhadinha(o) por um personagem de ficção?

Olhem, é dificilissimo. Ficção É ficção. Sou hiper-ultra-super fan do Garfield e da lógica do gato... acham que vale?

Qual foi o último livro que compraste?

"Mais rápido que terapia", do Richard Carlson. Também andei à procura do "Más maneiras de sermos bons pais" do Eduardo Sá, mas aqui não havia, e ainda não fui a FNAC, por isso ainda não comprei.

Qual foi o último livro que leste? Ai. Aiai. Aiaiai... não me lembro. Deixa ver... Li o "Desintoxicação do corpo, da mente e do espirito" , não me perguntem a autora, que agora não o tenho ao pé (nem sei onde o pus). Antes li o "Anjos e Demónios" do Dan BROWN ( tás a ouvir, Sofia?). No entanto tenho a sensação de que falta qualquer coisa entre... também foi entre que li "José Mourinho, um ciclo de vitórias". Mas EU SEI que falta qualquer coisa...

Que livros estás a ler?

"Viagem sem regresso" , de Katy Gardner, "Mais rápido que a terapia", de Richard Carlson. O "Memória das minhas putas tristes" do Garcia Marques, está em cima da minha mesa de cabeceira há 3 dias, mas ainda não o abri (tou convencidissima que se lê em meia hora)

Que livros (5) levarias para uma ilha deserta?

Pronto, agora vou ser previsivel: "O código Da Vinci" e "a Biblia" (mas não sei que tradução). Levava o "Equador" , do Sousa Tavares, que estou desde Dezembro para ler, e o "Sul" , do mesmo autor, que não me canso de ler, uma e outra vez. E "O monge que vendeu o seu Ferrarri" , de Robin S. Sharma que lido umas quantas vezes, me fazia voltar uma pessoa melhor. Ah, mas TINHA de levar papel e lápis. Ou um portátilzito.

A quem vais passar este testemunho (três pessoas) e porquê?

Vou passar

à gOlden porque acredito que, como eu, ela vai achar piada;

À Diana porque sim;

À Sylvia porque também.

E com isto dou por terminado o meu contributo à cadeia literária.

Agora vou-me pôr ao fresco ( sim, que tá aí um calor de rachar pedras... não!), que tenho muito que fazer. E tenho aqui ao meu lado a Vogue e a Máxima, fresquinhas, fresquinhas, à espera que lhes rasgue os plásticozitos protectores e que me delicie entre as suas páginas. Mas primeiro vou arrumar o meu quarto, que parece que estoirou lá dentro uma máquina de roupa em pleno programa de centrifugação.

Ah, isso lembra-me, tenho uma máquina de roupa para estender.

E em primeiro lugar, vou comer um prato de caldo verde qu'inda não almocei. 

Inté,

Fátima

17
Abr05

Uuuuuff!!!!!!!

Fátima Bento

Já passou!

Foi giro, foi!

Como eu dizia, e uma vez que todos eram Testemunhas de Jeová, fomos "atirados" para a mesa dos 'proscritos', nós, o meu cunhado e cunhada, e uns primos do Vitor mais os três filhos. Os primos, levaram o dia TODO a embirrar - ela com ele, por tudo, que o moço nem respirar podia, e ele a virar copo atrás de copo, para aguentar o embate sem lhe mandar com uma cadeira nos cornos. E é mais uma pescadinha de rabo na boca: quanto mais ele bebia, mais ela embirrava, e quanto mais ela embirrava, mais ele bebia. Mas não deixa de ser uma GRANDE falta de educação: no meu código, roupa suja lava-se em casa.

E prontos.

A minha cunhada não esteve assim tanto na berlinda, nem eu (yesss!!!), porque ninguém me ligou nenhuma. Boa! No fim ( no nosso fim, que quando nós saímos ainda não tinham começado a fazer o caldo verde...) o Tomás chorou 1/2 hora com o cansaço, e a Inês, que como é costume, não se calou 5 minutos seguidos ( 5? nem 2!!!!), continuava ligada à corrente... Eu que já estava de dar com a cabeça nas paredes, fui-me fechar na casa de banho. Irra! E eram a minha sogra e a minha cunhada, uma de cada lado do puto "olha, não chores, é feio, um menino tão grande..." E o Tomás "Calem-se, deixem-e em paz!" e eu desandei para a cazita de banhito, para ver se respirava um bocadinho.

Debalde ( é uma expressão muit'a gira, não é? Apetece-me sempre acrescentar "e esfregona").

Acabei por vestir os casacos ao pessoal, dar um beijinho ao meu sogro, e desandar porta fora, à francesa ( que é uma gaja muito antipática e não se despede de ninguém...)

Irra, quando entrei em casa ainda julgava que era mentira!

E depois desta aventura, tinham-me acabado os zolpidem's, e eu estava a precisar MESMO de APAGAR... vai daí, comecei a fazer o desmame, e "amandei-lhe" c'uns Valiums, e dormi que nem uma santa... claro que para conseguir precisei de 40 mg, mas hoje só tomo 30, e amanhã, 20... quarta feira já ão tomo nada. 'No worries', já fiz isto mais vezes... mas de quaquer maneira,

NÃO TENTEM FAZER ISTO EM CASA

que segundo me disseram, 40 mg de valium manda o ser humano comum para o hospital.

Prontos, já contei (quase) tudo.

Não contei as bocas foleiras que segredei à minha cunhada durante a cerimónia do enlace, e que a fez fazer uma GRANDE ginástica para não desatar ás gargalhadas, mas aqui estariam fora de contexto.

Bom, pessoal, bou m'imbora, tenho que ir fazer caldo-verde para o jantar ( há quem lhe chame desejos, mas não tou grávida, não!!)

Inté,

Fátima

 

15
Abr05

Isto tá bonito, tá...

Fátima Bento

Acho que juntamento com o "prontos" esta é uma das minhas expressões favoritas, por isso...

Isto tá bonito, tá...

Já fui ao Cinq à Sec, os putos já jantaram, e estou a cair para o lado.

Por isso amanhã passo a camisa e o casaco e o top.

E já comprei mais uma camisola para a Inês.

E acho que amanhã vou no carro a pintar as unhas.

E agora, vou tomar um banho, para ver se me passa a dor que tenho nos pés.

Acho que hoje nem durmo. E não é antecipação. É pânico. E a mania de que não vou conseguir fazer tudo.

Hoje acordei assim, em pânico. E consegui fazer quase tudo.

Mas eu não quero ir.

Há voluntários para ir por mim?

S-o-c-o-r-r-o!!!!!!!

ARRRGHHH!!!!!!!

( o puto está a vestir o pijama em slow motion... Ai que me dá uma coisinha má!!!)

Fátima

15
Abr05

O dia D

Fátima Bento

Eu não ia escrever neste blog. Pensei em escrever no organização, ou no reinventando-me, mas como tanto tinha a ver com um como com o outro, decidi escrever aqui, para não dar ganho de causa.

 

Amanhã é o dia D.

O dia "Do" casamento da prima do Vitor. Estou com uma vontade de lá ir, que acho que esta noite nem durmo (arrghh).

E este casamento ficou-me numa fortuna. Hoje tive de ir comprar outra roupa para o Tomás  [e acho que ainda tenho de ir ver se descubro qualquer coisa para a Inês, que planeia ir completamente "descapotável", e eu não quero envergonhar a minha sogra, que parece que não tivemos dinheiro para lhe comprarmos qualquer coisa mais de acordo com o frio que (hoje) se faz sentir].

Arrrghh! 

É esta uma das principais coisas que detesto nos casamentos: o pessoal passa o dia todo a mirar-nos dos pés à cabeça, e a cortar na nossa pobre casaquinha. Tipo Ally McBeal: de repente, vemos os convidados todos enormes, com umas imensas lupas na mão, e nós encolhidos. B'ada m****, que eu quero lá saber! E depois há um detalhezito que nos faz sentir acrescidamente "desadequados" : todos os convidados são Testemunhas de Jeová, menos nós e os meus sogros e cunhado. E a namorada. E esse é o meu "piqueno" descanso: é a primeira aparição publica da moça. Sim, que o romance é recente: 8... anos. Portanto, o pessoal com sorte estará ocupado a tirar-lhe as medidas, e eu sou capaz de me sentir menos observada ( ah! pois...)

Voltando às despesas:

E depois foi o cabeleireiro. E a esteticista. E a lavandaria. E os acessórios. E a prenda do casamento...

AAAARRRRGGGHHHH!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Prontos.

Agora vou andando que ainda tenho de:

- passar a ferro a camisa do Vitor e o top da Inês, mais o micro blusão da gaja-filha;

- ir (JÁ) ao Cinq à Sec buscar as calças do Vitor que estão limpas às 20:30h. ;

- arranjar os produtos que vou usar na maquiagem de amanhã;

- preparar o cabelo da gaja-filha de maneira que amanhã seja mais fácil arranjá-lo;

- dar banho ao puto reguila;

dar o jantar aos dois, que eu cá por mim não tenho fome ( acho que vou telefonar à telepizza...)

E fico por aqui, porque não posso escrever mais... mas acredito que não fico por aqui nas tarefas. O que vale é que amanhã à noite já acabou.

Depois a 11 de Junho tenho o segundo round ( mas é menos stressante, que sendo deste lado da familia, não tenho que me preocupar com "envergonhar" a minha sogra, e eu tenho as costas largas...)

Bom, 'me voy'

inté,

Fátima

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D