Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

09
Abr05

No buraco...

Fátima Bento

Apetece-me pôr um parêntesis no fim de semana. Todo. E saltar da sexta para a segunda-feira. Não que isso mudasse muita coisa, ou fizesse uma grande diferença... os dias de segunda a sexta também são completamente iguais, uma corrida aparvalhada numa passadeira que aumenta a velocidade em proporção directa ao cansaço que sinto. Chego ao fim-de-semana exausta, de cabeça perdida e nada preparada para os dois dias de stress total que se seguem ( em que todos reclamam o que ninguém fez nos cinco dias anteriores). Tudo o que (não) se fez durante a semana se reflecte e agiganta nesses dois dias. Toda a "ajuda" que pedi e não tive descalabra na evidência de tudo o que não está feito e devia ter sido. E eis senão quando me dão ataques de "formiga-electrica-culpada", e me atiro à cozinha - maldita cozinha, sempre caótica - como se daí dependesse a minha vida. E depois fico a cair para o lado. Ou não. Mas invariávelmente, quando volto a entrar na cozinha, o caos reinstalou-se, nas embalagens de yogurte que não deitaram para o lixo, nos restos de comida nos pratos que ninguém limpou, na loiça que ninguém lavou. E encolhou os ombros de cansaço, apago a luz, encosto a porta e viro costas... já nem consigo ter vontade de tentar...


O erro estará provávelmente no facto de não haverem tarefas pré-distribuídas ( que, óbviamente, e conhecendo a rês "da casa", não seriam feitas ), e toda a gente achar que fazer alguma coisa é estar  a "ajudar" a mãe, em vez de acharem que estão a cumprir o seu papel, a apertar a porca e o parafuso que lhes cabe nesta engrenagem.


Habitualmente acho que o tempo passa tão depressa, que é um desperdicio gastar dois dias em zangas, ameaças, amuos e ralhos... e já o disse várias vezes, porque a vida passa a correr, e quando olhamos para trás queremos agarrar o fumo que deixámos escapar enquanto o não era... mas agora, não estou nem aí. Quero lá saber de aproveitar e esticar o tempo que vai ser sempre igual e que vai continuar a deixar atrás de si um rasto de frustração...


No fundo da minha pessoa "pollitica e emocionalmente correcta", que se fixa nas coisas boas, "conta as bençãos"e finge não ver as coisas menos boas, e  que vê sempre a balança a pender para o positivo e o copo SEMPRE meio cheio, continua a achar que umas horas fechada no quarto comos olhos rasos de àgua por dentro e uma dor de cabeça de bradar aos céus, é uma GRANDE perda de tempo. Mas estou farta de me sentir Atlas com o mundo ás costas, que além de ser responsável pelos males de todos, ainda tem a obrigação de pintar o mundo de cor de rosa ( e é mais fácil se pintar primeiro as lentes dos óculos que uso...) e ainda aligeirar as cargas menores dos que me rodeiam.


Estou demasiado cansada.


Só quero que o fim de semana acabe depressa.


(para depois começar tudo outra vez...)


Angel

08
Abr05

Pior que bexigas!

Fátima Bento

Estamos numa democracia, e não quero ser acusada de favoritismo, por isso, passo a informar a todos os meus leitores ( que são aos milhares, palettes, resmas, carradas) que a minha filha tem um blog. Desde ontem. À noite. Estava eu na Escola de Pais e recebo uma chamada da Inês: "Mãe, ainda demoras muito? Acabei de fazer um blog!" O que é que eu demorar muito tem a ver com ela ter feito um blog, não sei. Quando cheguei a casa, instalei-lhe um contador ( acho que não devia, a última vez que lá fomos tinha 2 visitas, e nenhum comentário... e esta bodega desmotiva!)


Mesmo correndo o risco de parecer juíz em causa própria, atrevo-me a dizer que dever ser interessante acompanhar. A sacana escreve mesmo bem.


Por isso, por curiosidade ou só para dar uma força, podem clicar no blog da gaja-filha, e deixar um comentáriozito...


Brigados!


Angel

05
Abr05

Disparates

Fátima Bento

Bah!


O artigo anterior foi um disparate.


Realmente, não há nada mais relevante de decidir se "O Código DaVinci" é uma romance ou uma teoria!...


Tou cansada que nem uma mula. Acordei hoje antes das 8 (depois de ontem ter adormecido depois da uma ), e como ando de dieta, tou rabugenta.


Rai's parta o casamento de dia 16.


Beijinho, Calvin, e não lhe ligues qu'a gaja é passada (o meu mal é sono).


Inté ( hoje já não volto a escrever, que daqui a bocado dá o CSI New York, e depois quero/tenho/devo de ir chonar ).


Angel 

05
Abr05

...

Fátima Bento

A desgraça já é tanta que já peço ideias emprestadas para escrever artigos. Mas este eu mereço, não mereço, Calvin?


A novela é a seguinte: A propósito da morte do Papa, e do comentário de Ana Drago, postado por calvin no blog ,É um mundo mágico!( recomendo vivamente, que o senhor e questão é sucinto e certeiro no passar das suas ideias) au publquei o seguinte comentário:


"Angelkitten: É pá eu até sou ateia... mas assim como não tenho duvidas que Jesus existiu ( embora esteja mais virada para a teoria do 'Código', embora ache que ela está longe da verdade ,de que para a do Vaticano, aunque más lejos, a verdade é que o homem em questão, Karol não-me-atrevo-a-escrever-o-resto foi uma pessoa notável. Acho que, com meia dúzia de palavras, até ele me coonseguia convencer que deus existe. Ana Drago foi "politicamente incorrecta demais", até para o Bloco, que não se quer p.c.. (...) (Angelkitten, abril 4, 2005 10:35 PM)"


Ao que ele me respondeu,


"Calvin: Angel, o Código não é uma teoria, é só um romance... :o) (Calvin, abril 4, 2005 10:47 PM) "


:o| Mmmm... para encurtar a transcrevo a minha resposta:


"angelkitten: Bem, agora passaste-me um atestado de burrice! Lido dessa maneira até parece que cheguei agora das berças! Blahhh :oP( é mesmo a lingua de fora). Bom, caro Calvin, premite-me discordar. Tirando a história do 'Priorado de Sião' ter sido criado (não pelo Dan Brown, mas pelo monsenhor qualquer coisa, que agora não interessa) pelo que o sr DaVinci não faria de facto parte dele, o código DaVinci não é inteiramente ficção. Eu já tinha tido contacto algumas das teorias que o senhor advoga, óbviamente NÂO através do catolicismo, muito antes de ele ter pensado em escrever o livro. Agora vou ser mázinha, empinar o nariz e dizer lê mas é o livro em questão, o "Segredo dos templários, e, já agora, a biblia, e depois ( o depois devia estar em itálico) vem falar comigo. Eu já li o primeiro e o último, quer acredites quer não - e estou-me a preparar para ler " O segredo". Desculpa, mas este é capaz de ser dos poucos assuntos em que DE FACTO sei do que estou a falar. (angelkitten, abril 5, 2005 05:23 PM)


É pá, eu até sou uma gaja com muito bom feitio... quando não me chateiam... e vá-se lá saber porquê, o comentário do meu amigo até entrou na minha zona de conforto... E passo a explicar o porquê da minha revolta ao paternalismo demonstrado. Ao longo dos meus 37 anos, tive contacto com um sem numero de religiões, para onde fui "a reboque" da minha mãe. Gostava de dizer que tal tinha acontecido por ela ser uma enorme curiosa da razão das coisas, e andasse todo aquele tempo à procura da verdade, mas a verdade é que ela andava à procura de uma religião que lhe desse razão, na sua teoria explicativa da biblia [ acabou por se cansar já na 2ª volta, irónicamente nas Testemunhas de Jeová - que não dão qualquer margem para re-interpretação do (seu) sentido do grande livro]. Conheci as teorias e âgnulos dos Católicos, Protestantes, Adventistas, Mormons, Manás,Espiritas... e concerteza que me estou a esquecer de outros tantos. Desenvolvi à conta de tudo isto um sentido critico e analítico em relação à Religião, e um cepticismo de ordem ateia. DE qualquer forma, e por um certio sentido de gratidão para com o meu pai - que também é testemunha de Jeová - acabei por concordar em estudar a biblia. Ao fim de 8 anos (!!!!!!!!!!!!!!!!), dei o mestrado por concluído, quando a pastilhaa já não era mascável, e a cassete se repetia pela enésima vez. 8 anos deram para ter um conhecimento geral do livro, o que me dá algum 'know how' para falar da teoria do "romance"... Que é claro que é um romance, caramba!!


Agora chegou a minha sobrinha, com os putos, a Iara e o Raúl, meu afilhado., de modo que agora não posso continuar... mas eu volto! Ah volto, volto!

05
Abr05

Ponto de situação

Fátima Bento

O meu primeiro dia de 'férias dos putos' ( que de férias não teve nada, se querem saber ) correu muito bem. Às 23:00 já estavam os dois deitados, em silencio e, acredito eu, mais "pra lá que pra cá". Acho que pela primeira vez em quase 9 anos! O que na prática significou que me deitei a horas decentes e ainda consegui ler na cama!!! E soube tão bem!


Não ando com cabeça para escrver coisas que se leiam, e ando a sentir falta disso.


Pode ser que logo "atine" e escreva qualquer coisa de jeito. Até lá.


Angel

03
Abr05

Economia doméstica

Fátima Bento

A Inês já tem os óculos novos - só ontem de manhã é que conseguimos ir tratar disso, mesmo a tempo do inicio do 3º periodo!


 ( Já só faltam 6 horas! Já só faltam 6 horas!)


Bom, os óculos custaram qualquer coisa como €230. Não foi um mau negócio, se comparado com o dentista do Tomás. Ela sempre trouxe os óculos, enquanto ele deixa sempre lá os dentes, LOL ( ai, que eu às vezes sou tão gira! :oP )


Bem vou-m'imbora antes que me mandem!


Angel

03
Abr05

Ressonâncias...

Fátima Bento

Fim de semana, fim de férias ( yesss!!!!) eu e o Vitor a cair de cansados, daquele cansaço parvo que não deixa dormir... para conseguir dormir o marido acabou por tomar um comprimido ( eu, como já sabem, tomo sempre... até ver...)


O resultado veio sob a forma de um diálogo na manhã seguinte:


"Mãe, tu e o pai ontem ressonavam cum'ó caraças! Eu acordei a meio da noite, fui ao vosso quarto e era um "rrrronc" para um lado o outro "rrrronc" para o outro, falei, falei falei e vocês... nada! Tive de voltar para o meu quarto!" Mas não acaba aqui! Continua a Inês: " quando chegou ao quarto foi para a minha cama. Então estava eu a babar-me que nem uma porca (eu só citei!) e acordo com a cara do Tomás a 5 cm da minha: 'Inês, porque é que estás a babar a minha almofada???' Imagina o susto, mãe!"


Imagino o susto, e entre gargalhadas pergunto o que é que tu estavas a fazer com a almofada dele? " Ah, é que a gente antes de dormir trocámos de almofada"


Ok, não pergunto mais nada.


 


(já só faltam 23 horas e 50 minutos para o inicio oficial do 3º Periodo de aulas!!!! Yupppiii!!!!!)


Angel

01
Abr05

Evangelização

Fátima Bento

Pareço uma Testemunha de Jeová... de tanto ouvir falar em blogs, o meu filho já "comprou"... se quiserem conhecer o universo de um puto de 8 anos, vão a www.putoreguila.blogs.sapo.pt . E como eu pus um contador, mal por mal tão a aumentar os numeros da criança, e a motivá-lo para a escrita ( é desta que acabamos com os erros ortográficos!!)


Todos a clicar pelo Tomás!


Inté!


Angel


 


 

Pág. 4/4

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D