Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

15
Jul11

A aventura da próstata... (ai que rái de nome p'ó post, melher!!!!)

Fátima Bento

Então, foi assim...

 

Saímos daqui às 9:00h.

 

 

Chegámos às 10:30h, mas quando nos dirigimos ao Hospital, descobrimos que afinal, não era aquele... (1ª aventura...)

 

PLACA%~1.JPG

 

Lá ligamos para a assistente do médico, que nos indica qual o hospital, e explica à minha irmã como lá chegar. Esta desliga o telefone e repete-me as indicações, e eu quase a rebentar a rir... resumi: ou seja, esquerda, esquerda, rotunda, direita, perguntamos. Se não for preciso perguntar antes... é claro que tivemos de perguntar, mas não foi difícil lá chegar.

 

O pai fez o check in, preencheu a ficha com as informações de saúde, e lá foi para o quartinho, b'jinhos e puseram-nos a andar que só às 15:00h.

 

Certo. Buga a macDonalds almoçar que sempre é mais barato. E onde é que era o MacDonalds, perguntam vocês? Pois. Perguntamos a um miudo aí de uns 20 anitos, o gajo explica bem, os nossos miolos é que estão a funcionar ao contrário... damos por nós sem saber muito bem onde... a minha irmã aventa: olha pergunta aí a esse senhor... e eu, qual quê,  homem manda-me é c'uma coisa em cima, digo enquanto abro o vidro porque ela já tinha imobilizado o bólide. A fazer 90º com o outro. NUM CRUZAMENTO! Tipo: ou respondes, ou não passas (esta foi a segunda aventura do dia, andei a rir meia hora). O senhor abre logo o vidro, estica o pescoço, eu grito de cá, com um sorriso de orelha a orelha, com a minha irmã com outro igual (qual par de jarras), e o senhor também sorridente explica e bem (e a gente até percebeu, porque estávamos pertinho...lol), e lá almoçámos.

 

Para quem ainda não experimentou, o wrap de fango e bacon é bom (mandei tirar o queijo, e acabaram por não lhe pôr molho praticamente nenhum, lol, mas tudo bem) mas os que eu faço cá em casa são melhores (eheheheh)

 

Ora que demos à lingua que nem duas gralhas - canudo, nunca estamos juntas, acho que FINALMENTE nos ficámos a conhecer! - o que foi muito, muito bom. Voltámos ao Hospital, onde passámos a tarde mais looooooonga de que tenho memória, e onde o meu pai acabou por dormitar, apesar de estar, obviamente, ansioso por ver a coisa acabada e nervoso com a anestesia geral... 

Às 19:45h, tivemos 'ordem de bazanço', que o senhor ía (finalmente!!!!) para o bloco. Fomos procurar um hotel, fazer o check in, jantar, e depois, voltámos para o hospital, para esperaaaarrrr. Por volta das 23:30h subimos e encontrámos um Zézinho todo bem disposto, eufórico porque não tinha chegado a adormecer, já que a cirurgia tinha acabado por ser com epidural... e 'todo chateado' que se queria pôr de lado e não podia. Menos mal! =o)))))

 

Pouco depois da meia noita já estávamos no quarto do hotel, falámos um niquinho até os meus med's kick in e acordámos no dia seguinte pelas oito e meia, ou isso.

 

Ao meio dia o pai já tinha alta, chegámos aqui algures entre as 14:20/14:30h.

 

Por isso, e não tendo ainda hoje falado com ele - é deixá-lo dormir, falo com ele de tarde! - está, em princípio, tudo ok.

 

Ufa, esta etapa já está passada, e com distinção! Força Zézinho!!!!

 

Agora quanto à logística: o Hospital é do grupo Espirito Santo (como o da Luz e o de Santiago, por exemplo), pelo que tanto as instalações (um nadinha menos que as daqui de Santiago) como o pessoal, impecáveis.

Quanto ao cirurgião, não me pronúncio, já que não o conheci - o que já de si dirá qualquer coisa por mim... - só o vi na saída, de costas, e só soube que era ele porque um outro casal que estava na sala connosco à espera que o filho saísse do recobro nos disse ser ele. À pergunta ansiosa da mãe "Então, Sô Tôr, correu tudo bem?, o homem parou, olhou para ela e após uma curta pausa, respondeu: "CLARO que correu tudo bem! Está a acordar!" Depois lá complementou que fazia a volta no dia seguinte às 8:00h para assinar as altas, e ao meio dia era para saírem todos.

E foi-se embora.

Por isso, não digo nada do médico. Não o conheci para tecer comentários apreciativos, e NÃO VOU DIZER MAL. Melhor... não vou escrever mal... muahahahah...

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D