Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

24
Ago11

Mais um desafio do sapo aceite!

Fátima Bento

Ai a nostalgia! Os meus primeiros comentários (dois!!!!) foram logo no primeiro post. Sortuda, aqui a menina, hein?

 

"Angelkitten,
normalmente não deixo comentários nos blogs que visito, mas com vc será diferente, viu? Vou te colocar nos meus favoritos e vou te acompanhar diariamente...
Pensei que eu fosse a única mulher na face da terra cujo "maior" problema seja o que fazer de jantar... Claro que esse nunca é nosso principal problema como D.d.C., mas colabora para estarmos a beira de um colapso nervoso, sim, hehehe... Porque resolvido isto hoje, amanhã já está de volta. Nunca tem fim...
Hoje tiramos o pó, aspiramos o chão... E quando vamos ver, já tem cesto cheio de lixo, migalhas por toda mesa, mãozinhas engorduradas nos vidros... Quando fazemos homepages, podemos até abandoná-las que quando voltamos, continuam brilhantes e fresquinhas como quando as editamos, não é mesmo?
Olha, pode até parecer que eu esteja reclamando. Mas não estou não. Estou comentando a vida que escolhi e que estou levando há 10 meses...
Se vc quiser me conhecer, venha visitar meu blog: http://sylvinhaemportugal.blogs.sapo.pt/
Conto lá tudo, tim-tim por tim-tim, desde abril/04 :-)
Um abraço
Sylvia
"

Bom, claro que entretanto perdi o rasto à Sylvia... por curiosidade, fui agorinha mesmo visitar o blogue dela, e deparei-me com este cenário desolador:

Por isso, se andas por aí na blogosfera e por aqui passares, deixa-me um olá!

 

B'jinhos grandes!

24
Ago11

Acho que vou mudar o nome das gatas...

Fátima Bento

Vou chamar Copy a uma e Paste à outra. Indiferenciadamente, porque nem interessa nada - as gajas andam em círculos, a imitarem-se uma à outra, e a coisa tem tanto de patético como de amoroso... a Mia, desde que é "gente" que dormia, de verão, ao meu lado, costas com costas, cabecinha encostada na minha nuca, e no Inverno, dentro da cama, ao meu colo. A Piccolina, quando se decidia a tentar a sua sorte na cama, que de noite era propriedade exclusiva da 'tia', ficava no cantiiiiiinho inferior esquerdo, i.e., entre os pés do dono - isto meio a medo de

a) a Mia se passar da marmita e se atirar a ela, qual gato a bofe, e expulsá-la sem quaisquer pruridos, ou

b) o dono mexer os pés e ela levantar voo.

Entretanto, e porque descobriu que a tia é uma grande cobardolas, que rosna mas depois foge (assim 90% das vezes - os outros 10% é que é o camandro...), começou a chegar-se para o lado esquerdo, i.e, para o meio dos meus pés. Se ela se enrola lá antes de eu adormecer, levo a noite toda com cuidado para não fazer nenhuma avaria; mas como ela gosta de aparecer mais tarde, assim a uma hora que ninguém desconfia... bom, uma noite destas acordei com um **pás**, que ainda estou para ser onde foi parar o 'projétil'...

Há um ninho (um daqueles cestos-cama em espuma) na marquise. E é um, porque se fossem dois, nenhuma delas lhes ligava pêvas... Para que suas excelências aderissem ao projeto, tive de lhe pôr um lençol dentro, com o meu cheiro... também há, no mesmo sítio, um banco para que as damas possam ver a rua. Não raro - nada raro, mesmo - está uma em cada lado. Quando a que está no ninho se levanta, ainda mal saiu da marquise e a cama tem inquilina nova. E isto repete-se em todo o lado! Mia no braço esquerdo do sofá, Mia ir fazer chichi, Piccolina no braço esquerdo do sofá... e por aí adiante.

As duas bebem água no lavatório da casa de banho. Quando me levanto, é a ver quem lá chega primeiro: às vezes nem é para beber agua, é mesmo só para ficar a olhar para a outra lá do alto com ar de: ah-ah!

 

A Mia sempre se pelou por mastigar plástico (!!!); a Piccolina foi mais longe: come-o(!!!!!). Não raro, quando deixo sacos no corredor de um dia para o outro, no dia seguinte vou para lhes pegar... e não tenho como porque as asas... pffftttt!!!!

Ontem foi a última novidade: quando vou apanhar ou estender roupa, a mais pequena faz-me companhia no parapeito da janela (o que diminui a eficácia do acto em 70%) ontem, depois de a Piccolina se ir dedicar a outras aventuras, pela primeira vez, a Mia saltou para o parapeito!!!! Isto depois de na véspera ter cometido o sacrilégio de roubar - sim, roubar! - um dos ratitos-fétiche que costumo comprar para a Piccolina na Happy Pets, e que a fazem virtualmente, entrar em transe. A desgraçada da dona do ratito olhava para a tia, e eu até via em rodapé as coisas meigas e lindas que se passavam naquela cabecinha...

 

Posto isto, reafirmo: uma vai passar a Copy, e a outra a Paste. E mái nada!

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D