Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma dona de casa 2.0

... à beira de um colapso

21
Nov13

E então é assim...

Fátima Bento

Há pessoas fantásticas. Há pessoas que passam as passas do Algarve, passam por divórcios, mortes, o diabo a sete, aguentam forte e feio, e passado 'pouco'  tempo (que aqui é relativo, a gente não vê a pessoa, e quando volta a ver parece que foi ontem, e vamos a ver bem a coisa... passaram 3 ou 6 meses...), estão aí todas otimistas, casa nova, via refeita.

Uma pessoa passa - moi - por três ou quatro (valentes) atropelos e parece que vou morrer. É o desespero, o terror, o fim do mundo.

Ok, quem sabe a história toda ainda anda e queixo caído, e até há quem ache que é exagero, até vir uma segunda parte testemunhar uma ínfima parte que presenciou (ou o/a próprio/a ter o azar de presenciar qualquer coisa que acabe com qualquer tipo de ilusão) para - boom - lá vai o queixo. Eu sei que sou exigente comigo própria e ponho a minha fasquia na estratosfera, mas há pessoas que conseguem arrumar e limpar a vida que é um gosto. A sério.

Ok.

Não faço comparações.

Somos o somatória da puta de vida que nos calhou em rifa, e mais, fruto das boas e más escolhas que fizemos . E se as  más nos ajudaram a crescer, que se lixem as cicatrizes, que a coisa passa. Mas volta e meia a gente esquece-se de que não deve olhar para trás, e a coisa faz mossa.

Já para não falar que quando entramos naquilo que alguns chamam 'inferno astral', isto é, quando a gente está à espera que o rol de desgraças acabe, que a carambola trave, que a bola de neve se esmague algures contra uma árvore, ou assim, e é quando a coisa ganha novo fôlego, e a gente tem de ir buscar forças aos quintos dos infernos para continuar a correr à frente dela.
Chiça.
Quem ler isto pensa, lá está ela a queixar-se, lá está ela com merdas outra vez. Não. Não estou.
Por acaso na segunda-feira passada fechei os olhos com força e levei com ela em cheio. Começou o pânico com o aviso da sua chegada no domingo à noite, e depois foi o impacto na segunda. A própria segunda, e posteriormente terça, foram dias de uma prostração total, e uma impossibilidade total de reagir - de mexer mais de que o mínimo indispensável. Até respirar doía. Quarta dei o primeiro passo, tremulo, para me levantar. Hoje estou de pé e digo: é MESMO preciso bater no fundo para começar a subir.
{E ô se o fundo desta vez foi bem perto do centro da terra!}
Mas como o que não nos mata nos deixa mais fortes, dêem-me mais uns diazinhos que eu {NÃO, NÃO FICO PRONTA PARA OUTRA!} estou prestes a começar a dar cartas como já não dou há muito tempo.
E se quiserem agoirar vão agoirar o ca... a pepsi, prontx...
21
Nov13

A Ikea e a campanha de 1 peluche = 1 euro para a Unicef

Fátima Bento

Hoje fui... ao Ikea (sim, devia mesmo, mesmo ser acionista. Mas uma acionista a sério).

E deixem-me dizer-vos PORQUE É QUE todos devemos ir ao Ikea por esta altura:

A campanha dos peluches.

Por cada peluche vendido, a multinacional dá um euro à Unicef. Eu já faço isto desde que a primeira campanha de que me lembro: Compro uma mão cheia (bom, por acaso foram quatro mãos cheias) de peluches a €0,50. E todos os anos quando chego à caixa me certifico que sim, aqueles também revertem o euro para a Unicef. E neste momento, estão a fazer um desconto de 20% nos peluches (!!!!). 

Presumo que devido à crise, este ano também têm uns ursinhos amorosos a €0,99 (da foto abaixo), que juntei à bicharada que já estava no saco amarelo.

Ou seja.

Não sei quantos peluches comprei. Quem quiser que faça contas: recebi 3 euros de desconto.

E o que fazes aos peluches, Fátima Bento? 

Essa é a segunda parte.

Eles têm, um recipiente grande junto à linha de caixas, onde podemos depositar os peluches comprados, e estes são distribuídos por crianças que precisam de um miminho extra (eu sei que é para distribuir por uma serie de instituições, mas hoje só me saltou à vista a Cruz Vermelha Portuguesa). Estacionei o carrinho onde trazia a tralha recém adquirida, meti as mãos num dos sacos, e p'a minha rica saúdinha, senti-me o Pai Natal.

Por meia dúzia de euros!

Saiba mais sobre esta campanha aqui
E vá lá, vá aos suecos. Com sorte até "despacha" duas ou três (ou mais) prendas lá. E as crianças TODAS agradecem.
(só por este post já mereci o desconto, trá-lá-lá...)
21
Nov13

Bom dia gente gira!

Fátima Bento

Isto desde há dois ou três dias é dormir da meia noite, meia noite e meia às duas... depois ficar de olho aberto até às 7, no mínimo e então, tentar dormir mais umas horas. Hoje só posso chegar às 10:00h, mas vou agorinha mesmo até 'vale de lençóis'.

A todos os que se já levantaram e começaram o dia, 

21
Nov13

O melhor do meu dia...#7

Fátima Bento
O meu filhou ligou e pediu para vir falar comigo. Está disposto a fazer mudanças, diz ele.

E eu quero acreditar.

Para ser O MELHOR do meu dia eu devia dizer que acredito mas fico pelo quero.

 

O resto virá a seu tempo.

Não consegui responder às suas dúvidas porque não consigo articular pensamentos e pô-los em palavras...

 

Mas os maus momentos não duram sempre. As pessoas fortes tendem a durar mais um bocadinho..

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D