Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

Diário de uma "dona de casa" 2.0

... à beira de um colapso

02
Jul10

Toda, toda, toooooda "arrebentada"!

Fátima Bento

Acho que ontem tinha feito para aqui, um resumo do dia de hoje, não tinha? Médico de manhã, em Setúbal, e Lisboa de tarde, c'a gajinha, p'á inscrição no Ielts, no Instituto Britânico.

 

E assim foi.

 

Brummm, brummm de manhã para lá e para cá (canudo, que quando eu fazia o caminho todo entre a segunda e a terceira, cansava-me menos... agora tenho a mania que sou 'ma g'and'a condutora, e tira, mete, chiça!).

 

Entretanto apanhámos o barco das 15:30h, e eu, que até estudei na Rua do Salitre e fui habituée do Frágil (g'anda ranhosa!) - quando o Frágil era o Frágil...-  e até tenho a mania que conheço bem Lisboa, ah pois, e tal, que o British Council é mesmo ali ao Rato. Apanhámos o Metro, saímos no Rato, e lá vamos nós, Rua da Escola Politécnica abaixo. Aqui a nina de sapatos novos (mas que, graças aos céus, são confortáveis), e a filhota, de sandalinha romana rasa. E vamos andando, e eu a olhar para a minha direita e... nepes. Até que, junto à Arquitétonica decido: vamos ali à pastelaria e perguntamos - eu já estava a achar que estava a andar demais. Pois. Terceira do lado direito, e depois segunda à esquerda. Ai! A Inês lá foi à frente, aqui a mãe a arrastar-se atrás, e não foi bem  o caminho indicado, mas lá que chegámos lá depressa, chegámos. E eu só pensava: ó burra, não era Rato, era Príncipe Real!

 

 

E lá fizémos a inscrição, eu dei o MB à Inês para pagar (arrrghhhh! é que nem quis ver!) e quando saímos ditei a sentença: "dói-me o pé - que entretanto já tinha uma bolha - vamos de táxi". Bem podia ter feito um desenho e me montado em cima... só assim é que apanhava um. Vais a pé, e é se queres. Ou de autocarro, mas como nem cartão/bilhete Sete Colinas tinha, não ia dar pelo bus o que dava pelo taxi. E mal por mal era a descer.

 

Entretanto juro, JURO! que parcia uma parvinha que tinha chegado das berças...olha, aqui era uma padaria... olha, ali nasceu a Moda Lisboa, começou como "Manobras de Maio". Olha, aqui é um dos melhores (e primeiro) restaurante japonês de Lisboa. E aqui é o Pavilhão Chinês. Miradouro de Santa Catarina. Elevador da Glória. E depois punha-me a lembrar das coisas como elas eram, e parecia um burro a olhar para um palácio. Ná, não 'tão a ver. É que nem eu 'tou a ver as figuras que devo ter feito!!!!! =oP

 

Entretanto, a chegar ao largo do Camões, pergunto: "Tu já foste à Brasileira?" E a Inês, pois que não, que não tinha e eu "que vergonha!", a penalizar-me por dentro, porque há tanta coisa que ela não fez, e sítios a que não foi à conta de não podermos... bom, à Brasileira, foi. Com direito a café, claro. Já ao Nicola, nope. E nunca viu o S. Carlos nem por fora. E tanta coisa...

 

 

Mas nem vou pensar nisso.

 

 

Descemos a Rua do Alecrim, apontei-lhe a estátua do Eça - e juro que não sei por que diabo é que ele está agarrado a uma mulher, as perguntas que me fazem =o/ - apontei-lhe a rua que se avista de cima, onde trabalhavam as p**as, os bares que hoje se chamam de alterne, e lá chegámos ao barco, 5 minutos antes de abrirem os portões. Neste lado, pago o parque, pego no carro, e casa!

 

E 'tou morta.

 

Não me digam nada, qu'eu não tou cá.

 

R'áis partam as vuvuzelas do jogo do Ghana, que me estão a aumentar a dor de cabeça, não tarda 'tou com enxaqueca. Não fora hoje o último episódio d' "O Filantrapo" (adorei cada um!) que já estava a caminho dos braços do Morfeu.

 

Pronto, acabou o jogo. Agora vou passar o PC da Inês - sim, o meu continua no estaleiro, queimou a motherboard =o///// - ao marido, que está com a minha miniatura ao colo, e para navegar, não se consegue ver um boi, vou comer qualquer coisa, e vou, finalmente, pôr os olhos no écran.

 

Ou vou ler a Sábado.

 

Sei lá.

 

Eu hoje 'tou mesmo purdidinha...

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Follow on Bloglovin

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D